revistadestaque@terra.com.br
(67) 3384-4384

MEC estuda punir aluno que tirar nota baixa no Enade

Em MS, notas ruins vieram de universidades particulares

05 de Outubro de 2019
16:00
Arquivo/Correio do Estado

O Ministrio da Educao quer criar mecanismos para que seja possvel punir o aluno que tem um desempenho muito abaixo da mdia no Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade). O Enade uma prova que avalia o rendimento dos concluintes dos cursos de graduao em relao aos contedos programticos previstos nas diretrizes curriculares dos cursos, o desenvolvimento de competncias e habilidades necessrias ao aprofundamento da formao geral e profissional, e o nvel de atualizao dos estudantes com relao realidade brasileira e mundial. Esse ano a prova ser realizada em todo o Brasil no dia 24 de novembro em todas as universidades brasileiras. A proposta foi apresentada ontem pelo ministro da Educao, Abraham Weintraub. "O aluno faz a prova como se no houvesse amanh", disse, ao comentar os resultados do Enade para os cursos de bacharelado das reas de Cincias Sociais, Cincias Humanas e para os tecnlogos de Gesto e Negcios, Produo Cultural e Design. Ele atribuiu parte do baixo desempenho falta de incentivo para a realizao das provas. A participao no exame obrigatria, sob pena de atraso na colao de grau. O desempenho, contudo, no traz vantagens ou desvantagens para o estudante. Diante desse cenrio, avalia, parte dos alunos acaba entregando a prova em branco. Ele destacou resultados abaixo do porcentual de acerto com respostas aleatrias. "Eu gostaria que essa pessoa no pudesse se formar", disse. A ideia tambm criar mecanismos positivos. E esse seria o primeiro passo da estratgia. O presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), Alexandre Lopes, afirmou que a ideia incluir, no prximo edital, uma regra que permita a divulgao da faixa de nota do estudante que participou do exame. Isso seria feito, por exemplo, para aqueles que tivessem um nvel de acerto entre 60% e 80% e na outra linha, para aqueles que tivessem um acerto acima de 80%. Tal mecanismo, na avaliao de Weintraub, poderia ser usado como incentivo, sobretudo no momento em que o estudante for procurar uma colocao no mercado de trabalho. "Nada ser feito a frceps", disse o ministro. A ideia que mudanas nas regras de avaliao sejam discutidas com especialistas. Parte delas, de acordo com Lopes, poder ter aplicao imediata. Outra necessitar de portaria ou de mudana na lei. Lopes afirmou que a ideia apresentar at o fim do ano um conjunto de sugestes. Pblicas Os resultados do Enade mostram um desempenho superior em cursos dados em instituies pblicas. Ao mostrar os dados, porm, o ministro destacou a pequena diferena nos resultados entre cursos presenciais e a distncia. O levantamento preparado pelo Inep mostra que 12,2% dos cursos a distncia tiveram classificao 4 e 5, maior do que o resultado mdio. Nos cursos presenciais, a fatia que ficou com essa classificao de 20,8%. Na outra ponta, 28,4% dos cursos a distncia tiveram conceito mais baixo que a mdia (1 e 2), ante 18,1% dos cursos presenciais. A comparao, contudo, tem universos bem distintos. Foram considerados no Enade 376 cursos com ensino a distncia e 7.642 presenciais. O presidente do Inep atribuiu a diferena ao fato de que alguns cursos, como Direito, no apresentarem a modalidade a distncia. Defesa Apesar da grande diferena do universo analisado, Weintraub avalia que o desempenho das duas formas de ensino semelhante para os cursos que fizeram parte deste Enade. Para ele uma realidade da qual no h como escapar. " uma modalidade mais eficiente do ponto de vista econmico." Ressalvas Especialistas e representantes do setor do ensino superior lembraram que o Enade foi criado para avaliar a qualidade dos cursos e no o conhecimento dos alunos. "H alguns anos questionamos se o formato e contedos cobrados so os mais adequados", disse Maria Helena Guimares, do Conselho Nacional de Educao (CNE) e ex-secretria executiva do Ministrio da Educao. Simon Schwartzman, da Comisso Nacional de Avaliao da Educao Superior, disse que o Enade tem matriz curricular genrica, j que avalia cursos do Pas todo. Por isso, vem sendo apontado como insuficiente. Um relatrio da Organizao para a Cooperao e Desenvolvimento Econmico (OCDE, na sigla em portugus), divulgado em dezembro, avaliou que o Enade tem objetivos "irreais", falha na tarefa de atestar a qualidade das graduaes e pode inibir inovaes. Slon Caldas, diretor executivo da Associao Brasileira de Mantenedoras do Ensino Superior (Abmes), lembrou que o setor defende h anos que essa nota seja includa no histrico escolar "Seria uma motivao", disse. As informaes so do jornal O Estado de S. Paulo. Fonte: Correio do Estado

Matéria não encontrada!