revistadestaque@terra.com.br
(67) 3384-4384

Primeira-dama dos EUA relata que filho Barron Trump também teve teste positivo para o coronavírus

Melania Trump diz que sentiu dores no corpo, tosse e dores de cabeça. O filho dela com o presidente não apresentou sintomas.

14 de Outubro de 2020
19:42
Foto: Alex Brandon/AP

Em relato publicado pela Casa Branca nesta quarta-feira (14), a primeira-dama dos Estados Unidos, Melania Trump, contou que Barron Trump, filho dela com o presidente americano, também contraiu o novo coronavírus. Diferentemente dos pais, o jovem de 14 anos não apresentou sintomas. "De um lado, eu estava contente que nós três passamos por isso ao mesmo tempo, então pudemos nos cuidar uns dos outros e passar tempo juntos", relatou Melania. O documento também diz que Barron foi testado três vezes: primeiro, logo após os pais pegarem a Covid-19, deu negativo. Depois, um teste positivo, e, posteriormente, um novo exame atestou que ele não tinha mais o novo coronavírus. A primeira-dama disse também que apresentou "sintomas mínimos", mas que pareciam ser "uma montanha russa" nos dias que se seguiram. "Eu tive dores no corpo, tosse e dores de cabeça, e me senti cansada na maior parte do tempo", enumerou. No texto, Melania também disse que se tratou por uma "via mais natural", com vitaminas e "comida saudável". A eslovena aproveitou o texto para encorajar as pessoas a viverem "do jeito mais saudável que puderem" — embora uma boa alimentação e outros bons hábitos ajudem o corpo a combater o vírus, não há nenhuma indicação de que determinados alimentos ou compostos vitaminados eliminem a Covid-19 por si sós. Fonte: G1

Matéria não encontrada!